Buscar
  • Henrique Correia

Santa Cruz há um ano com projeto à espera de resposta do Governo


Filipe Sousa diz que o Governo "não se dignou em responder à Câmara", no sentido de dar a sua anuência a uma obra que vai beneficiar a população e requalificar uma zona nobre"


A Câmara Municipal de Santa Cruz veio hoje a público denunciar o atraso do Governo na resposta ao projecto para o jardim e miradouro das Lages, em Gaula, concluído há um ano. E desde então, nada de resposta do Governo, que é proprietário do terreno que está ao abandono. "Em causa está uma obra que vai valorizar uma das principais entradas naquela freguesia, a exemplo do novo jardim que está a ser implementado no sítio de São João, também em Gaula. O presente projeto inclui a colocação de um novo abrigo de paragem, iluminação pública, estacionamentos e mobiliário de jardim", explica a Autarquia Filipe Sousa, numa visita ao local, adiantou que embora a autarquia tenha tudo pronto para avançar, ainda não recebeu luz verde do Governo Regional, que é o dono do espaço que está ao abandono. "Não percebemos a falta de resposta por parte do governo, tendo em consideração que é o Governo Regional o proprietário deste pequeno prédio rústico, totalmente abandonado neste espaço nobre da freguesia de Gaula", vincou. O autarca disse mesmo que o executivo regional tem conhecimento do projeto da autarquia desde junho do ano passado, mas ainda "não se dignou em responder à Câmara", no sentido de dar a sua anuência a uma obra que vai beneficiar a população e requalificar uma zona nobre. Filipe Sousa diz-se cansado de esperar e adianta que se a resposta tardar, o "povo gaulês arregaçará as mangas e concretizará aquele importante projeto para a freguesia".


5 visualizações