top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

Santa Cruz investe 63 milhões em habitação mas PSD e CDS abstiveram-se



Filipe Sousa: "O que deveriam ter feito era aprovar sem reservas".




Apesar do investimento do Governo PSD/CDS em habitação a custos controlados, por via do PRR, com projetos em todos os concelhos, os mesmos partidos do governo, PSD e CDS, abstiveram-se na Assembleia Municipal de Santa Cruz quando esteve em debate a Estratégia Local de Habitação, já validada pelo IHRU – Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana - prevendo um investimento global a rondar os 63 milhões de euros, sendo 24 milhões para a construção de 149 novas soluções de habitação coletiva de diferentes tipologias e 38 milhões de apoio direto à reabilitação de habitações de 256 agregados familiares.

Este sentido de voto do PSD mereceu críticas por parte do presidente da Câmara de Santa Cruz: "O que me espanta é que, perante uma medida que me parece pacífica, a oposição PSD/CDS na Assembleia Municipal só conseguiu criticar a proposta e, no fim, como é apanágio dos fracos e calculistas, lá se abstiveram quando o que deveriam ter feito era aprovar sem reservas ou, pelo ,menos, apresentar propostas válidas. Nada! Mesmo sabendo a desgraça que aí vai em termos habitacionais".

Filipe Sousa diz que "a oposição age à semelhança do Governo do mesmo partido, que agora diz ter a solução para os problemas da habitação na Madeira, mas que, na verdade, se prepara para injetar milhões do PRR em empresas do regime para depois vender habitação a preços que continuam a ser proibitivos para muitas bolsas, pelo menos com as taxas de juro atuais".

5 visualizações

Comentarios


bottom of page