Buscar
  • Henrique Correia

"Senhores do Governo: não chegam a acordo, esperam"


Duarte Caldeira Ferreira presidente cessanteda Junta de São Martinho: "Anos e anos para tratar da obra do Hospital e agora entram por propriedade privada a dentro, com força policial. Vergonha".


O presidente cessante da Junta de Freguesia de São Martinho, da Coligação Confiança, veio a público, na sua página do Facebook, insurgir-se contra a invasão de propriedade privada, por parte das máquinas da obra do novo Hospital, em terreno que se encontra em processo de litígio e cujos proprietários aguardam decisão de tribunal sobre a contestação relativamente aos valores que o Governo pretende pagar para a respetiva expropriação. O interesse da obra, segundo o Governo, justifica esta atitude.

Para Duarte Caldeira Ferreira, é diferente. O autarca, que dá lugar a uma gestão PSD/CDS, diz que "anos e anos para tratar da obra do Hospital e agora entram por propriedade privada a dentro, com força policial. Vergonha! Meus Srs. do Governo, não chegam a acordo, esperam!"

Acrescenta que "ao longo deste processo, enquanto presidente da Junta de Freguesia de São Martinho, tentei sempre ajudar as pessoas na procura das melhores soluções para os seus problemas. Estive sempre disponível, apesar de não ter qualquer competência nesta matéria, para reunir com moradores, com o Governo Regional, ou através do envio de cartas, ou mesmo da denúncia pública.

Agora, é tudo da mesma cor, Junta, Câmara, Governo, tudo laranja. Irão os novos eleitos defender os interesses da população, ultrapassando as questões partidárias? Aguardo, atento, aos novos tempos.


25 visualizações