Buscar
  • Duarte Azevedo

Vice-campeão tem metade do apoio


Isto caso o campeão da Madeira não quiser ir aos 'nacionais'.


Se o campeão da Madeira, em qualquer modalidade desportiva, tiver direito e não quiser participar no respetivo Campeonato Nacional na época 2022/2023, o vice-campeão da Madeira, se participar, receberá metade do valor que seria atribuído àquele. Tal é determinado pelo PRAD, notando-se que se o campeão e o 'vice' não quiserem participar e o terceiro classificado o fizer, só terá direito aos custos das passagens. Está escrito: 'Na impossibilidade da participação do clube campeão regional, na competição nacional regular, o apoio a conceder será atribuído da seguinte forma: a) Vice-campeão regional - 50% do valor do apoio (apoio à atividade) apurado para o campeão regional e apoio para as deslocações; b) Terceiro classificado - apoio para as deslocações'.


2 visualizações