top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

AD e PS muito perto a três dias das eleições; Parlamento muito dividido



CHEGA desce ligeiramente mas continua como terceira força política.




A última sondagem da Universidade Católica para a RTP mantém AD e PS muito perto, mas também permanecem os indicadores que apontam uma maioria absoluta à direita. PSD só governa com o CHEGA.

A coligação liderada por Luís Montenegro continua na frente com 34 por cento nas estimativas dos resultados, seguindo-se o PS, com 28 por cento. Houve desde a última semana uma ligeira diminuição no número de indecisos, que são agora 16 por cento. Destaque para a grande fragmentação do Parlamento, com a maioria dos deputados a serem eleitos à direita, revela a estarão do Estado.

A RTP acrescenta que "neste inquérito, a AD e o PS sobem ligeiramente, mas mantém-se a diferença de 6 por cento entre os dois partidos registada na última sondagem. A AD tem 34 por cento dos votos e PS conta com 28 por cento. Segue-se o Chega, que desce ligeiramente (16%) mas continua a ser a terceira força política, a uma larga distância dos dois primeiros. A Iniciativa Liberal mantém-se nos 6 por cento, assim como o Bloco de Esquerda, com uma estimativa de 5 por cento dos votos, tal como na última sondagem. Quem sobe mais nesta estimativa em relação à anterior é mesmo a CDU, que passa a ter 5 por cento dos votos".


20 visualizações

Comentários


bottom of page