top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

Até parecem eleições regionais; PSD mobiliza tudo o que pode



Miguel Albuquerque: "A importância da Madeira prosseguir o caminho que vinha sendo seguido

Manuel António Correia: "Falta pouco para conquistarmos muito"







Quem não soubesse, quem não conhecesse o modo de operar da política madeirense, diria que estaríamos perante eleições regionais e não eleições internas no PSD Madeira. Os meios disponíveis a quem está no Governo, que nem parece de gestão, são claramente desproporcionais às candidaturas em presença. As condições não são iguais e os apoios, maioritariamente, surgem de quadros do Governo, dos deputados, das Câmaras do PSD, das juntas de freguesia, a que se juntam os que se fartaram de criticar Miguel Albuquerque e as cúpulas em exercício e que, não se sabe com que passo de mágica, são Albuquerque desde pequeninos.

As eleições são as mesmas, hoje 21 de março, mas os meios são muito diferentes e a disputa surge, à partida, com uma dificuldade acrescida para quem vem de fora do regime vigente. "Beberam" da mesma "fonte", mas parece que só alguns tiveram "água pura".

Manuel António tem, por isso, uma missão difícil. Não impossível, mas difícil, tal a dimensão mobilizadora de muitos seus companheiros de partido mas em lados opostos. Mas se fosse apenas mobilizadora, estaríamos perante uma circunstância normal e de disputa interna salutar em âmbito democrático. O problema é que se sucederam os episódios de pressão, de conversas telefónicas facilmente comprovadas pela falta de habilidade, e já agora de responsabilidade, dos autores, no sentido de direcionar a necessidade de voto num determinado sentido. E não ficava mal, alguém ter vindo a público se demarcar desses procedimentos.

Seja como for, os cerca de 4 mil eleitores com direito a voto vão escolher se mantêm a liderança atual ou se querem a mudança. Independentemente dos meios, os fins são os resultados desta quinta-feira. Depois disso, o partido legitima a liderança para os próximos desafios sujeitando-se depois ao crivo dos eleitores.


MIGUEL ALBUQUERQUE


Hoje, Miguel Albuquerque fez uma publicação, no Facebook, onde refere que

"num Partido que nos orgulha e desafia a sermos todos os dias melhores, é chegada a hora de decidir, em consciência e com responsabilidade, qual o passo seguinte que queremos dar rumo ao nosso futuro. Qual a melhor forma de honrarmos, juntos, a nossa Bandeira!

Há, todavia, uma certeza inabalável: a importância da Madeira prosseguir o caminho que vinha sendo seguido, mantendo o seu ritmo de crescimento, a sua estabilidade política e social e os fundamentais apoios sociais a quem mais precisa.

Estamos preparados, tal como sempre estivemos e demos prova disso, para todos e quaisquer desafios! Aquilo que nos move é e será sempre o povo da Madeira, a Madeira e o seu progresso!".


MANUEL ANTÓNIO CORREIA


O candidato Manuel António Correia escreveu que "hoje teremos de materializar o esforço dos últimos dias!

Teremos de votar e motivar a votar no futuro da Madeira e Porto Santo e das suas gentes.

Falta pouco para conquistarmos muito! Força, coragem e determinação nas próximas horas, serão compensadas com sucessos para muitos anos!

Força até à Vitória!

Grande Abraço, com estima e gratidão."

65 visualizações

Comments


bottom of page