Buscar
  • Henrique Correia

Atalaia com 24 casos positivos aguarda testes de confirmação


Em caso de sintomatologia, e consoante a determinação do Serviço de Saúde da RAM, EPE, a Autoridade de Saúde e a Coordenação Regional Anti-Covid, os utentes deverão ser transportados para a unidade hospitalar".



O Atalaia Living Care deu a conhecer hoje o ponto da situação sobre os casos positivos na instituição, na sequência de um processo de testagem desencadeado por um caso positivo.

A instituição revela que no dia 14 de Janeiro, perante um resultado positivo a um utente, a equipa clínica decidiu testar todos os 226 utentes da Unidade de Cuidados Continuados Atalaia.

Assim, no âmbito do referido plano, a Associação Living Care informa que foram detetados 24 casos positivos de Covid19 entre os utentes da Unidade de Cuidados Continuados Atalaia.

A nota emitida pelos responsáveis alerta que "esta informação carece ainda de confirmação por testes PCR, tendo os mesmos já sido agendados", referindo que "até ao momento, os utentes permanecem assintomáticos e foram colocados em isolamento"

Diz o Atalaia que de imediato "foram ativadas todas as medidas de contenção e mitigação previstas na fase avançada do Plano de Contingência Living Care, com vista a assegurar a máxima proteção e salvaguarda dos utentes não infetados, com a criação de áreas de isolamento e contingência dentro da Unidade. Procedeu-se ainda a uma elevação de EPI’s para fase avançada".

"A situação foi partilhada, acompanhada e esta a ser monitorizada pelas Autoridades Regionais de Saúde devendo os utentes na ausência de sintomas permanecerem na Unidade. Em caso de sintomatologia, e consoante a determinação do Serviço de Saúde da RAM, EPE, a Autoridade de Saúde RAM e a Coordenação Regional Anti-Covid, os utentes deverão ser transportados para a unidade hospitalar".

A mesma nota anuncia que foi ativada a presente fase avançada de contingência, o plano de testagem prevê a realização de testes antigénio de 3 em 3 dias a todos os utentes, bem como aos colaboradores, com vista a assegurar uma elevada contenção da infecção, através do diagnóstico precoce.

Os familiares dos doentes infetados foram devidamente informados pela equipa clínica e transmitiram-nos confiança, a qual desde já agradecemos. Apelamos aos restantes familiares que mantenham a calma, certos de que estamos a fazer todos os esforços para mitigação da situação de contágio na Unidade de Cuidados Continuados Atalaia".

1 visualização