top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

Barreto foi "sentir" o comício à PSD: "Estarei sempre do lado certo da história”




Miguel Albuquerque: "Como é que alguém quer mudar a Madeira quando nem tem representantes do Norte nas suas listas?"


Com Albuquerque e Barreto no palco de um comício juntos pela primeira vez, o candidato do Porto Moniz Valter Correia mostra-se reconhecido: “Quem fez tudo isto foi o PSD/M e agora é tempo de darmos o nosso vosso voto".


O líder do CDS-M subiu ao palco, no Porto Moniz, para estar ao lado do líder do PSD-M no primeiro de vários comícios com a "chancela" social democrata tal qual se conhece desde sempre, agora transposta para a coligação "Somos Madeira". E Rui Barreto não podia ter sido mais claro: “Estarei sempre do lado certo da história".

Do lado certo está Miguel Albuquerque que neste comício lançou várias farpas ao PS-M: “Como é que alguém quer mudar a Madeira quando nem tem representantes do Norte nas suas listas?"

Miguel Albuquerque fez um balanço positivo à governação dos últimos quatro anos – aludindo ao crescimento económico, ao desemprego mais baixo dos últimos 15 anos, ao exemplo nacional e internacional que é dado pelo setor da Saúde, inclusive com a maior obra do País em construção, à excelência da Escola pública, à crescente abertura da Madeira ao mundo e às oportunidades que existem para as novas gerações", sublinha o líder social democrata, como se pode ler num texto publicado nas plataformas digitais do PSD-M.

Rui Barreto lembrou que, em 2019, celebrou um acordo político com Miguel Albuquerque, numa decisão tomada em consciência e em nome da estabilidade, da autonomia, dos direitos dos Madeirenses, da nossa Diáspora, do desenvolvimento e do progresso, o líder do CDS/Madeira garantiu que "estará sempre do lado certo da história e que é essa história que apresenta ao fim destes quatro anos, com a Madeira a crescer a todos os níveis, a viver em estabilidade e paz social".

"Superamos tempos difíceis, temos compromisso social, paz social, a economia cresce, temos investimento para criar riqueza e gerar emprego e garantimos ao mesmo tempo a redução de impostos”, frisou.

Rui Barreto criticou o PS e apelou a que a população não se deixe enganar pelos partidos sectários, anti autonomistas e extremistas, que não têm história nem memória e que apenas olham para os seus umbigos.

“Nunca deixem que estes partidos destruam a nossa identidade enquanto povo”, disse, apelando a que, a 24 de setembro, votem na coligação SOMOS MADEIRA “e no melhor candidato que temos, que é Miguel Albuquerque”.





19 visualizações

Comments


bottom of page