Buscar
  • Duarte Azevedo

Chegou a hora dos guarda-redes?

Madeira não tem referência nacional nas balizas... Agora há três verde-rubros, todos Pedro, a darem nas vistas


A Madeira nunca teve referência de guarda-redes de futebol a nível nacional. Amândio e Moura foram exceções mas, mesmo assim, sem grande presenças em competições nacionais.

Defesas, médios e avançados há vários nomes da Região entre os melhores da História mas guarda-redes... nada. Apenas nos escalões secundários, II e III Divisões. Será que é desta?

Pelo menos atualmente existem alguns a ter em atenção. São todos dos quadros verde-rubros. E todos... Pedro! Três Pedros!

Pedro Mateus é o mais experiente. Com 24 anos, formado no Marítimo e com passagem pelo F.C. Porto, está a se impor em grande estilo no Marítimo B que luta pelos lugares cimeiros do Campeonato de Portugal.

Pedro Teixeira, também formado nos maritimistas mas tornado guarda-redes no 1º de Maio, de 19 anos, esteve em evidência nos Sub 23 do clube verde-rubro, o que já o levou à seleção nacional.

Pedro Gomes (na foto) é o mais jovem. Ainda júnior, 17 anos, estreou-se este sábado em Braga pelos Sub 23 do Marítimo (2-1), confirmando o seu enorme potencial que começou por ser notado no Juventude AC.

Atletas que muito devem, certamente, aos técnicos de trabalho específico de guarda-redes, nomeadamente Quim, Ferrer e Bruno.

Enfim, até dada a juventude de cada um destes elementos e as suas performances, é caso para perguntar: será desta que a Madeira terá um guarda-redes de 'nome nacional'? Qualidade há!

11 visualizações

Posts recentes

Ver tudo