Buscar
  • Henrique Correia

Funchal anuncia aumentos para 2022 e Calado diz que são "simbólicos"


Abastecimento público de água e saneamento básico e gestão de resíduos sólidos mais caros.



A Câmara Municipal do Funchal anunciou hoje a aprovação, em reunião semanal, de uma atualização em 0,52% dos preços do abastecimento público de água e saneamento básico e gestão de resíduos sólidos. Pedro Calado esclarece que a atualização dos preços é simbólica e é feita em função da variação média da inflação dos últimos 12 meses que é de 0, 52%. A medida tem efeitos a partir de 1 de janeiro de 2022.

Outra deliberação, segundo nota da Autarquia, foi a abertura do Concurso Público Internacional para a segunda fase da obra da ETAR- Estação de Tratamento de Águas e Resíduos do Funchal. O Presidente da autarquia do Funchal explica que esta decisão tinha que ser tomada até final do ano, face às negociações com as entidades gestoras de fundos comunitários e com o Governo Regional. “Atendendo a todos os atrasos que foram verificados até agora, a própria UE estava com muitas duvidas sobre o avanço desta obra ou não. Nós comprometemo-nos depois de tomar posse em fazer a revisão de todo o processo, isso foi feito em tempo recorde com os nossos técnicos. Fizemos negociações com o IDR-Instituto de Desenvolvimento Regional de forma aumentar o cofinanciamento comunitário da obra. Tivemos uma participação de 1,5 milhão de euros a mais do que aquilo que era previsto e conseguimos uma prorrogação do prazo de execução da obra. O objetivo é que até final do primeiro semestre se dê início às obras, de modo a conclui-las dentro de um ano e meio. É um projeto de 19 milhões de euros sendo que 12 milhões serão cofinanciados pelo POSEUR, 4 milhões de financiamento da CMF e 3 milhões de euros de contrato programa do Governo regional”, refere.

12 visualizações