Buscar
  • Duarte Azevedo

O 'ano de ouro' de Tiago Berenguer



Jovem jogador de badminton ganhou tudo o que havia para ganhar.


A expressão 'filho de peixe sabe nadar' aplica-se com toda a propriedade nesta circunstância a Tiago Berenguer. Filho de Cosme Berenguer, também ele uma referência do badminton, o jovem de 15 anos apresenta um riquíssimo palmarés, a ponto de se poder afirmar tratar-se de uma 'versão melhorada' daquele que, também, é o seu técnico.

De facto, na época federativa 2021, Tiago Berenguer conseguiu a proeza de conquistar 5 títulos nacionais (3 individuais - singulares homens, pares homens e pares mistos; 2 de equipas - homens e mistas), a que juntou 2 títulos internacionais (Hungria - 1° lugar em singulares e pares mistos, Chipre - 1° lugar em singulares e pares mistos e 2° em pares homens) e um 3º lugar nos Campeonatos Internacionais de Espanha (singulares e pares mistos), todos no escalão de Sub 15.

Perante tudo isto, e sem qualquer surpresa mas, antes, evidenciando enorme superioridade, Tiago terminou a época em 1° do Ranking Nacional e Regional em todas as vertentes (singulares e pares).

Mais: o jovem madeirense participou em torneios nacionais de Sub 17 e classificou-se em 3° lugar no ranking nacional de singulares. No 1° Open de Portugal de Sub 17 classificou-se em 3° lugar em singulares, sendo o melhor português.

Tiago Berenguer realizou, pois, uma época recheada de ouro em 2021, figurando, sem qualquer favor, no galarim do Desporto da Madeira no ano findo. E com a perspetiva de assim continuar nos anos vindouros!

6 visualizações

Posts recentes

Ver tudo