Buscar
  • Henrique Correia

Santa Cruz apresenta queixa contra a médica Conceição Pereira


"O apoio às pequenas cirurgias é uma medida social que tem por base relatórios médicos que merecem toda a credibilidade e respeito", refere o documento enviado à Ordem dos Médicos.



"Santa Cruz tem dado continuidade ao programa de ajudas técnicas com a entrega de camas articuladas elétricas em várias freguesias do concelho".


A Câmara Municipal de Santa Cruz revelou hoje ter enviado um ofício à Ordem dos Médicos a níveis nacional e regional, no qual expressa o seu “mais veemente repúdio” pelas declarações que a médica Conceição Pereira, deputada do PSD na Assembleia Legislativa da Madeira, proferiu na passada quarta-feira, dia 16 de março, sobre o programa de apoio da autarquia às pequenas cirurgias.

Isto porque a autarquia entende que as declarações da médica em causa “são eticamente reprováveis e moralmente inaceitáveis.”

“Porque os médicos, a sua missão e a defesa da vida humana, que norteiam o seu Código Deontológico, nos merecem todo o respeito, não podemos aceitar que estes valores sejam suspensos por um profissional de saúde, mesmo que no exercício de um cargo político”, refere o documento, que lembra também que em causa está um programa social que foi amplamente discutido com vários médicos e enfermeiros, todos eles unânimes em afirmar a importância e pertinência do mesmo para o combate às longas listas de espera do Serviço Regional de Saúde.

“Todos os profissionais por nós contactados se manifestaram solidários com as pessoas que esperam e desesperam por consultas e cirurgias na Madeira, algumas delas mais de dez anos. E esta solidariedade tem na base a defesa da vida humana que os médicos juram e honram. Por isso, que uma médica faça afirmações contrárias a este ponto de honra de uma classe, falando de 'amiguismos' e usando terminologia política para rebaixar uma medida social que todos são unânimes em apoiar, é lamentável e mancha a credibilidade, seriedade e trabalho de toda uma classe”, sustenta a autarquia.

No ofício, assinado por Filipe Sousa, é ainda salientado que o apoio às pequenas cirurgias é uma medida social que tem por base relatórios médicos que merecem toda a credibilidade e respeito e que garantem a imparcialidade e a justiça dos apoios que são concedidos.

“Para usar a terminologia da Doutora Conceição Pereira, já é de lamentar que o Serviço Regional de Saúde não seja amigo dos madeirenses, mas é ainda mais lamentável que uma médica, que jurou defender a vida humana, alinhe pelo mesmo diapasão”.

Também hoje, a autarquia enviou um convite à médica e deputada Conceição Pereira para estar presente na cerimónia de assinatura de contratos de apoio às pequenas cirurgias, que terá lugar na próxima terça-feira, dia 22, pelas 15h, na Loja do Munícipe do Caniço.

16 visualizações