Buscar
  • Henrique Correia

Albuquerque espera que as cartas aos ministros tenham algum efeito


Presidente escreveu a ministros pedindo reforço dos serviços mínimos, está preocupado com greves do SEF e da Groundforce.



O presidente do Governo Regional espera que as cartas que enviou aos ministros da Administração Interna e dos Transportes tenham o devido efeito e que sejam reforçados os serviços mínimos de modo a assegurar as operações nos aeroportos da Madeira e do Porto Santo.

Como refere uma nota do Executivo publicada nas plataformas digitais, o presidente do Governo solicitou a Eduardo Cabrita o reforço dos serviços mínimos para fazer face à greve dos inspetores do SREF, lembrando que a Madeira terá, nas datas apontadas para a paralisação, dias com nove ligações diárias e que um ou dois inspetores não permitiriam a operação.

No segundo caso, a missiva a Pedro Lopes alertava para a situação da greve da Groundforce, a única operadora do Aeroporto do Porto Santo. Sem o reforço dos serviços mínimos, aquela estrutura não poderá funcionar nas datas da greve.


7 visualizações