Buscar
  • Henrique Correia

Assembleia condena Putin mas salvaguarda os povos russo e ucraniano


Carlos Rodrigues lembra as boas relações da Madeira com cidadãos da Rússia e da Ucrânia, defendendo a necessidade de separar as pessoas de um regime.



A Assembleia Regional condenou hoje a invasão da Ucrânia por parte da Rússia, condenou a liderança de Putin, mas deixou de fora os povos. O deputado Carlos Rodrigues, do PSD, disse ser importante defender os povos e lembrou que a importância de separarmos estas situações é importante atendendo a que a Madeira tem relações com pessoas de nacionalidade russa e ucraniana, uma posição que foi corroborada pelo deputado Rui Caetano, líder parlamentar do PS.

Élvio Sousa, do JPP, disse que "a pior coisa que nos podia acontecer era ficar nas mãos de um louco", condenando a invasão e toda e qualquer atitude de atropelo às liberdades e soberania dos países.


7 visualizações