top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

Cardeal madeirense Tolentino Mendonça vence Prémio Pessoa 2023



D. José Tolentino Mendonça foi nomeado cardeal pelo Papa Francisco, a 5 de outubro de 2019




O cardeal madeirense José Tolentino Mendonça foi o vencedor do Prémio Pessoa 2023, uma distinção que junta a outras distinguindo uma personalidade de grande relevo intelectual e humano da vida portuguesa, com grande orgulho para a Região de nascimento, a Madeira, e o concelho de origem, Machico.

O Prémio Pessoa é uma iniciativa do semanário Expresso e da Caixa Geral de Depósitos, no valor de 60 mil euros, que “visa reconhecer a atividade de pessoas portuguesas com papel significativo na vida cultural e científica do país”.

O júri foi composto por Ana Pinho, António Barreto, Clara Ferreira Alves, Diogo Lucena, Emílio Rui Vilar, José Luís Porfírio, Maria Manuel Mota, Pedro Norton, Rui Magalhães Baião, Rui Vieira Nery e Viriato Soromenho-Marques, com Francisco Pinto Balsemão a presidir e Paulo Macedo como vice-presidente.

A 26 de junho de 2018, o Papa nomeou D. José Tolentino Mendonça como arquivista do Arquivo Secreto do Vaticano e bibliotecário da Biblioteca Apostólica, elevando-o à dignidade de arcebispo; o até então vice-reitor da Universidade Católica Portuguesa orientou nesse ano o retiro de Quaresma do Papa Francisco e seus mais diretos colaboradores.

D. José Tolentino Mendonça foi criado cardeal pelo Papa Francisco, a 5 de outubro de 2019

4 visualizações
bottom of page