Buscar
  • Henrique Correia

Dia de unanimidade na CMF mas de lamento sobre o fim do "Eu Compro Local"


"Lamentamos que os comerciantes estejam a ser vítimas de uma posição intransigente do actual executivo, obcecado pela ruptura com iniciativas criadas pela Confiança".




Foi dia de unanimidade na reunião da Câmara do Guncha, segundo relata a coligação Confiança. As propostas da ordem de trabalhos, que foram todas aprovadas por unanimidade, incluem o compromisso assumido com os 17 Objectivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, particularmente em matérias de Igualdade de Género, Redução das Desigualdades e Cidades e Comunidades Sustentáveis .

Mas a coligação tem um lamento/apreensão: "Hoje, na reunião semanal do executivo municipal, a equipa da Confiança transmitiu o sentimento de apreensão dos comerciantes do Funchal com a situação económica actual, nomeadamente com dificuldades sentidas neste Inverno, materializadas numa redução substancial das vendas. A Confiança lamentou que tenha sido interrompida a iniciativa ‘Eu Compro Local”, uma parceria com a ACIF que esteve em vigor durante os meses de Dezembro, Janeiro e Fevereiro de 2020/21, envolvendo quase duas centenas de lojas aderentes e dinamizando mais de um milhão de euros em vendas.

“Lamentamos que os comerciantes estejam a ser vítimas de uma posição intransigente do actual executivo, obcecado pela ruptura com iniciativas criadas pela Confiança como o ‘Eu Compro Local’, cujo valor é inquestionável para o sector empresarial local, sem apresentar quaisquer soluções alternativas.”, refere o vereador Filipe Fernandes".


10 visualizações